PREMIAÇÃO
03/12/2018, 18:34

ESPN homenageia Marta e Pelé e premia jogadores em 49ª edição do "Bola de Prata"

Nesta segunda-feira, 03 de dezembro, aconteceu em São Paulo a cerimônia de premiação da 49ª edição do prêmio "Bola de Prata", tradicional evento da ESPN voltado aos jogadores de futebol do Campeonato Brasileiro. Sob comando de Juliana Veiga e Rômulo Mendonça, nomes prestigiados da história do esporte no Brasil foram chamados ao palco para entregar os prêmios dos vencedores deste ano.

A edição de 2018 prestou duas homenagens, sendo a primeira delas ao Pelé. O evento abriu com a exibição de um vídeo de retrospectiva da carreira do "rei do futebol" e, ao longo da entrega dos prêmios, o repórter Luciano Amaral relembrou importantes passagens da trajetória do Pelé no esporte. Apresentações musicais das canções que fizeram sucesso nos anos de glória do jogador completaram a sequência de homenagens.

A segunda homenageada foi Marta, jogadora eleita a melhor do mundo pela FIFA por seis vezes. Em seu discurso de agradecimento, Marta comentou sobre a importância de lutar pela igualdade de gênero não só no futebol, e sim em todas as esferas da sociedade. A jogadora se emocionou com a homenagem e foi a responsável por entregar o troféu mais esperado da premiação, o do "Bola de Ouro". Quem o recebeu foi o jogador Dudu, do Palmeiras, também premiado na categoria do "Melhor Meia".

Os jogadores do Palmeiras, que encerrou o campeonato na primeira posição, foram os mais premiados, com cinco títulos ao todo. O time saiu do sexto lugar da tabela rumo ao título e, desde a chegada do técnico Luiz Felipe Scolari, o Felipão, não perdeu nenhuma partida do Campeonato Brasileiro. Rubens Minelli, ex-treinador campeão nacional por Palmeiras, Internacional e São Paulo, subiu ao palco para entregar o troféu "Telê Santana" ao melhor técnico do Brasileiro, prêmio que nesta edição ficou justamente com o Felipão.

Além de Felipão, o técnico, foram premiados os jogadores do Palmeiras Weverton (goleiro), Mayke (lateral-direito), Bruno Henrique (volante) e Dudu (meia). Do Flamengo, os premiados foram o lateral-esquerdo Renê e o meia Lucas Paquetá. Completam a seleção do "Bola de Prata" os zagueiros Geromel, do Grêmio – tetracampeão da premiação – e Victor Cuesta, do Internacional; o volante Rodrigo Dourado, do Internacional; o meia Everton, do Grêmio; e o atacante Gabigol, do Santos, que também foi o artilheiro do ano. Por fim, o prêmio de gol mais bonito foi para Wescley, do Ceará, que o fez durante uma partida contra o Corinthians.

A lista de jogadores convidados para a cerimônia de entrega dos troféus contou com nomes como Alex, Dodô, Zenon, Iarley, Juninho Paulista, Djalminha e Rivellino. Entre as novidades, foi apresentada uma categoria inédita: "Apito de Ouro", prêmio desenvolvido em parceria com a marca TCL que ficou para o paranaense Rafael Traci, que apitou 18 partidas ao longo das 38 rodadas do Campeonato.

A edição 2018 do troféu "Bola de Prata" contou com transmissão ao vivo na ESPN Brasil e já está disponível para assinantes na plataforma WatchESPN.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2018 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top