PUBLICIDADE
10/04/2019, 19:28

Jurados brasileiros do D&AD se reúnem em São Paulo

POR MARIANA TOLEDO

Na noite da última terça-feira, 10 de abril, aconteceu em São Paulo um encontro de "aquecimento" para o D&AD, Festival de criatividade mundial que acontece em Londres entre os dias 21 e 23 de maio. Na ocasião, os jurados brasileiros que estarão julgando os trabalhos da premiação comentaram sobre suas expectativas para o evento, bem como a criatividade do nosso mercado e todo seu potencial competitivo no exterior.

O "warm-up" foi promovido pela FilmBrazil, apoiadora internacional do D&AD. A plataforma de internacionalização do audiovisual brasileiro desenvolvida pela Apro em parceria com a Apex-Brasil levará um grupo de produtoras brasileiras associadas ao evento londrino e promoverá ainda sessões de screenings em algumas agências locais de Londres e um evento de relacionamento, em 19 de maio, restrito aos jurados do festival e players do mercado londrino. "O cronograma da FilmBrazil começa dois dias antes do evento oficial e mantém uma agenda paralela com as nossas empresas e produtoras. E a programação não acaba lá. Traremos um pouco do conteúdo apresentado no Festival para o Brasil, por meio do nosso Whext, festival dedicado à produção audiovisual publicitária que, desde a primeira edição, em 2017, vem trazendo mentores do próprio D&AD, da London Film Academy, e promovendo uma serie de Master Classes para o nosso mercado. Neste ano, ele será realizado nos dias 30 e 31 de outubro.", anunciou Marianna Souza, presidente-executiva da Apro.

Além de Marianna, estiveram presentes no encontro os jurados Felipe Mansur (Alice Filmes), Gisela Schulzinger (Haus), Laura Esteves (VML/Y&R), Marcelo Nogueira (AlmapBBDO), Mariana Sá (Rede Globo) e Roberto Coelho (Satélite Áudio), e ainda Joanna Monteiro, CCO da FCB Brasil e integrante do Conselho Consultivo Global do D&D. "A Inglaterra produz uma propaganda espetacular, que inspira todo o mundo. No D&AD, os jurados são escolhidos a dedo, é um festival muito claro em sua proposta. Ele vai além dos prêmios, dá um suporte total para a criatividade mundial. É feito por criativos e para criativos. É inclusivo, estimula as pessoas, inclusive os talentos que ainda estão começando, por meio da categoria 'New Blood Awards', por exemplo.", comentou Joanna, ao apresentar um panorama geral do D&AD.

Para Paulo Brandão, gerente-executivo do D&AD, "Tanto nas premiações quanto em nossos programas de aprimoramento profissional e de incentivo a novos talentos, o D&AD sempre reconheceu a qualidade da comunicação brasileira. A parceria com a FilmBrazil reflete a natural importância de difundir parâmetros de excelência criativa. São parâmetros que de fato podem contribuir com melhores resultados de produção audiovisual e com o consequente fortalecimento da imagem do Brasil no mercado internacional.".

Neste ano, serão 13 os brasileiros na banca julgadora do D&AD, a maioria atuando no mercado local. São eles: Andre Sallowicz, diretor de criação da agência Adam&EveDDB (Londres), integrante do júri de Direção de Arte; Andrea Hirata, VP de mídia da agência Leo Burnett Tailor Made (São Paulo), integrante do Júri de Mídia; Bianca Guimarães, VP e diretora de criação da agência BBDO (Nova York), integrante do júri de Direção de Cena; Carmela Soares, diretora de criação da agência ClemengerBBDO (Melbourne/Austrália), integrante do júri de Digital Marketing; Erh Ray, sócio e coCEO (Chief Executive Officer) da agência BETC (São Paulo), integrante do júri de Mídia; Felipe Mansur, diretor de cena e sócio da produtora Alice Filmes (São Paulo), integrante do júri de Direção de Cena; Gisela Schulzinger, sócia da agência de design Haus (São Paulo), integrante do júri de Packaging Design (Desgin de Embalagens); Laura Esteves, diretora de criação da agência VML/Y&R (São Paulo), integrante do júri de Marketing Direto; Marcelo Nogueira, diretor de criação da agência AlmapBBDO (São Paulo), integrante do júri de Film Advertising (Filme Publicitário); Mariana Sá, diretora de criação da Rede Globo (São Paulo), integrante do júri de Creativity For Good (Criatividade para Causas Sociais); Ralph Karam, diretor de criação da produtora Le Cube (São Paulo), integrante do júri de Animação; Roberto Coelho, sócio-diretor da Satélite Áudio (São Paulo), integrante do júri de Sound Design and Use of Music; e Sergio Gordilho, Copresidente e CCO (Chief Creative Officer) da agência Africa (São Paulo), presidente do júri de Press & Outdoor (Mídia Impressa e Mídia Exterior).

Criado há 57 anos, em Londres, originalmente uma sigla para identificar uma associação de Designers & Art Directors, o D&AD se tornou um dos mais respeitados festivais de criatividade mundial. Reconhecido internacionalmente por seu rigor em destacar a excelência criativa, o D&AD faz anualmente um reconhecimento e homenagem aos trabalhos mais criativos do mundo, com a proposta de estimular o talento nas atividades ligadas ao design, à publicidade e demais estratégias de marketing.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2019 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top