CES 2018 / Conteúdos
11/01/2018, 03:31

Direitos globais e engajamento são estratégias para enfrentar OTTs, diz Zaslav

A estratégia de criar vínculos permanentes com os fãs e estabelecer direitos globais de distribuição de conteúdo tem sido o caminho seguido pela Discovery na afirmação de seu modelo de negócio frente ao avanço das plataformas digitais, que também atuam globalmente. Em painel realizado durante a CES 2018, David Zaslav, presidente da programadora, discutiu com outros representantes do mercado de mídia as mudanças no cenário da televisão.

Esta é uma estratégia que obviamente só funciona para programadoras com distribuição global, como é o caso da Discovery, e mesmo assim em alguns casos não é possível, como nos conteúdos esportivos. Mas é uma estratégia que permite otimizar os gastos com produção original, e não por acaso é uma estratégia replicada por plataformas OTT, como Netflix. "Somos uma empresa de propriedades intelectuais que atua globalmente", disse Zaslav.

O debate apontou as dificuldades que programadoras menores (caso da Scripps, por exemplo, que está sendo adquirida pela Discovery) de manterem-se fortes na competição global. Para Aryeh Bourkoff, CEO da LionTree, uma empresa de M&A que tem protagonizado a maior parte das grandes transações envolvendo empresas de TV paga, mídia e telecomunicações recentes, o problema todo está na mudança de modelo de negócio importo pela chegada dos competidores digitais. "As empresas grandes conseguem se ajustar e sobreviver por mais tempo, mas as menores acabam tendo problemas".

Para Nancy Dubuc, CEO da A&E Networks, um fenômeno que foi notado é que no mundo da diversificação de plataformas e fragmentação da audiência entre diferentes dispositivos, os campeões de audiência em uma tela não necessariamente são os mesmos em outra. Para Kristin Dolan, da empresa de pesquisa 605, na verdade ninguém  está perdendo audiência, ela só está ficando mais fragmentada e isso dificulta a comercialização. Para Robert Kyncl, chief business officer do YouTube, essa é uma realidade trazida pela Internet e a solução é agregar o máximo de conteúdo possível nas diferentes plataformas.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top