AGENDA
13/05/2019, 21:24

Ancine organiza terceiro Seminário Internacional Mulheres do Audiovisual

POR REDAÇÃO

No mês de junho, a Ancine promove a terceira edição do Seminário Internacional Mulheres do Audiovisual. O evento, que conta com a parceria do Sesc São Paulo, da Firjan e do Goethe-Institut, acontece em São Paulo no dia 13, quinta-feira, e no Rio de janeiro no dia 14, sexta.

Esta edição vai abordar a importância das políticas públicas para a promoção da diversidade no audiovisual e o papel da sociedade civil na criação da mudança. No que diz respeito às políticas públicas, a palestrante internacional será Amanda Nevill, CEO do British Film Institute – BFI, órgão do Reino Unido que é referência mundial na implementação de políticas para a diversidade no setor audiovisual. Para dialogar com a experiência do BFI, o Seminário contará com uma mesa sobre políticas públicas brasileiras, tanto federais quanto estaduais. Em São Paulo, a mesa terá a mediação de Ana Paula Souza, jornalista e doutora em sociologia pela Unicamp, e participação de nomes como Carolina Costa, presidente da Comissão de Gênero, Raça e Diversidade da Ancine; Laís Bodanzky, diretora-presidente da Spcine; Simoni de Mendonça, presidente do Sindicato da Indústria Audiovisual de SP-SIAESP; entre outras. Já no Rio de Janeiro, a mesa terá a mediação de Edileuza Penha de Souza, professora de etnologia visual da imagem do negro no cinema da UnB, e contará com a participação de Iafa Britz, da diretoria do Sindicato Interestadual da Indústria Audiovisual – Sicav; Clélia Bessa, conselheira da Brasil Audiovisual Independente – Bravi; a diretora Anna Muylaert; entre outras.

No que diz respeito à importância da Sociedade Civil, a palestrante internacional Barbara Rohm vai apresentar a experiência da ProQuoteFilm, uma organização da sociedade civil da Alemanha criada em 2014 para promover a igualdade de gênero na indústria cinematográfica e televisiva alemã – lá, assim como no Brasil, menos de um quarto dos filmes são feitos por cineastas mulheres. Em São Paulo, o debate sobre o papel da sociedade civil na promoção da igualdade de gênero terá a mediação de Neusa Barbosa, membro do Elviras – Coletivo de Mulheres Críticas de Cinema, e a participação das convidadas Malu Andrade, fundadora do grupo Mulheres do Audiovisual Brasil; Marina Pecoraro, conselheira da Diversidade da Abragames; Minom Pinho, idealizadora do FIM – Festival Internacional de Mulheres; Bárbara Sturm, diretora de conteúdo da Elo Company; entre outras. No Rio de Janeiro, a mesa contará com Krishna Mahon, administradora do grupo Mulheres do Audiovisual Brasil; Mônica Monteiro, presidente da Federação das Mulheres empreendedoras da CPLP; Paula Neves, conselheira da diversidade da Abragames; Lyara Oliveira, representante da Associação dos Profissionais do Audiovisual Negro – APAN; entre outras.

Durante o evento, será feita a assinatura do Memorando de Entendimento entre Ancine e ONU Mulheres, em uma cerimônia que terá a presença do diretor-presidente da Ancine, Christian de Castro; dos diretores da Ancine, Débora Ivanov e Alex Braga; e da representante interina da ONU Mulheres Brasil, Ana Carolina Querino. A atriz e defensora dos Direitos das Mulheres Negras da ONU Mulheres, Taís Araújo, encerrará o evento. O Terceiro Seminário Internacional Mulheres no Audiovisual será o marco inicial dessa parceria entre a agência e a ONU Mulheres, que tem por finalidade ampliar a igualdade de gênero e o empoderamento de mulheres no setor audiovisual e ainda a contribuição do audiovisual para a criação de uma cultura igualitária e livre de estereótipos.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2019 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top