MERCADO
14/05/2019, 21:20

Endemol Shine Brasil participa do LA Screenings

POR REDAÇÃO

Na última segunda-feira, 13 de maio, o LA Screenings, um dos principais eventos internacionais voltados para o mercado de conteúdo, promoveu os painéis do Producers Summit. Convidada para apresentar o painel "Endemol Shine Brasil Content Case Study", Juliana Algañaraz, CEO da Endemol Shine Brasil, falou sobre o processo de reestruturação realizado na empresa em 2016 e seus resultados.

Em sua gestão, Juliana foi responsável por criar os departamentos de licenciamento, digital e de branded content na filial brasileira – este, em feito inédito dentro da companhia global, apresentou um crescimento de mais de 150% em faturamento nos últimos dois anos. Os cases bem sucedidos dos novos departamentos se tornaram referência na empresa em âmbito mundial. "Antes, nós éramos vistos no mercado como uma produtora de televisão, e por isso tínhamos como clientes apenas emissoras. Mudamos completamente nossa visão sobre o que é conteúdo e, hoje, entendemos que qualquer que seja a plataforma, nós estaremos lá. Quanto mais plataformas conquistarmos com nossos projetos, maior o negócio se torna. Agora, nossos clientes são emissoras de televisão, plataformas, agências de publicidade e marcas.", disse a CEO durante o painel.

O relacionamento com agências e marcas começou pra valer com um grande case – o trabalho multiplataforma realizado com o "MasterChef Brasil". "A partir de 2016, quando a Endemol Shine Brasil entrou de fato na negociação do formato no país, começamos a trabalhar com mais força o digital e o licenciamento de produtos da marca. Criamos o canal do Youtube e começamos a oferecer ao público o que ele queria: o programa na íntegra. Mais do que isso, criamos conteúdos exclusivos com a assinatura de qualidade Endemol Shine e MasterChef atraindo novos anunciantes e criando uma nova janela de exibição do programa. Tudo isso sem canibalizar nenhum audiência. Hoje, o 'MasterChef Brasil' é referência no mundo todo pela sua força digital.", afirmou. Desde o período citado por Juliana, a marca "MasterChef Brasil" apresentou um crescimento de 39,6% para a Endemol Shine Brasil.

Os resultados obtidos somados ao bom relacionamento com agências, marcas e canais abriram um novo caminho para a empresa: o branded entertainment. Em 2016, a área de branded content recém-criada na empresa criou o formato "Cabelo Pantene" para a P&G, que se transformou em um case mundial multiplataforma da marca. A primeira temporada aumentou em mais de 900% as buscas por Pantene Brasil no Google, o maior pico de buscas em cinco anos, e teve mais de dois bilhões de impactos no digital. "A Grey Brasil e a P&G acreditaram no nosso ecossistema de conteúdo e, por conta disso, criamos e desenvolvemos o 'Cabelo Pantene, o reality'. O sucesso foi tanto que Portugal acaba de estrear a versão na TVi, patrocinado agora por Pantene Portugal. 'Cabelo Pantene' se tornou o primeiro formato para branded content a ser exportado dentro da Endemol Shine Group.", finalizou Algañaraz.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2019 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top