23/10/1997, 01:00

Preços baixos, mas nem tanto

POR REDAÇÃO

Boa parte dos participantes consideram que, de um modo geral, os preços mínimos estipulados pelo governo estão baixos. Para Salvador, por exemplo, um grande grupo garante que chegou a imaginar 20 vezes mais do que o exigido pelo governo. Há quem diga também que, ao declararem que consideram os preços muito baixos, os grandes grupos podem (ou querem) dar a impressão de que vão pagar ágios absurdos. O certo apenas é que o motivo dos preços baixos é permitir que mais empresas participem do processo.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2018 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top