Teles recolheram valor integral de Condecine

As operadoras de telecomunicações pagaram de forma integral o valor devido da Condecine na segunda-feira, dia 31, de cordo com o SindiTeleBrasil. O valor recolhido previsto era de aproximadamente R$ 750 milhões.

A data original prevista era para 31 de março, mas a Medida Provisória 952 prorrogou o prazo de pagamento do Fistel, da Condecine e da Contribuição para o Fomento da Radiodifusão Pública (CFRP) para o final agosto, em função das medidas para lidar com o impacto da crise do coronavírus (covid-19).

As empresas poderiam escolher pagar os tributos em parcela única, com vencimento em 31 de agosto deste ano, ou em até cinco parcelas mensais e sucessivas, com vencimento no último dia útil de cada mês e com o primeiro vencimento também em 31 de agosto. Embora as parcelas fossem corrigidas apenas pela taxa Selic, sem incidência de multa ou juros adicionais, as teles optaram pelo pagamento integral. (Colaborou Marcos Urupá)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui