CINEMA
03/03/2021, 21:33

Comédia "Lucicreide Vai Pra Marte" terá pré-estreia no circuito nacional

Lucicreide, personagem do humorístico "Zorra Total", da TV Globo, criada e interpretada por Fabiana Karla, está de volta e agora nos cinemas. "Lucicreide Vai Pra Marte" é a nova comédia da Downtown Filmes, que fará sua pré-estreia nos cinemas nesta quinta-feira, dia 4 de março. Essa pré-estreia acontece em todas as praças onde o filme estava programado – Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Nordeste do país – e onde os cinemas estão abertos. Assim que as salas reabrirem, será promovida a estreia oficial. Assista ao trailer:

Na trama, tudo mudou na vida de Lucicreide depois que seu marido Dermirrei (Batoré) a abandonou. Para completar o caos, ela teve que lidar com a chegada da sogra, que decide ir morar na sua casa depois de ser despejada. Os cinco filhos falam ao mesmo tempo, não a obedecem e ainda defendem a avó. É diante desse cenário que Lucicreide, por engano, acaba se juntando a um grupo de candidatos que querem participar de uma viagem sem volta para Marte. "Esse enredo é uma criação minha e da Fabiana Karla. Sempre quis trabalhar com ela e, um dia, entrei em contato e a convidei para um almoço. Começamos a criar uma história juntos e ela comentou que tinha vontade de filmar em um cenário atípico, experimentar algo que nunca tivessem feito antes. Ela sugeriu levar a personagem Lucicreide pra Lua e eu dei a ideia de Marte, que seria uma viagem sem volta. Aí já entra o elemento dramático, já que ela é mãe de cinco filhos. Conversamos a tarde inteira, uma ideia foi levando a outra. Mas não tínhamos orçamento, distribuidora, nada. Estávamos só viajando", conta o diretor do longa, Rodrigo César, em entrevista exclusiva para TELA VIVA. Mais tarde, o projeto chegou ao Bruno Weiner, diretor da Downtown Filmes, que logo se interessou. "O processo de captação foi rápido. Reunimos três roteiristas na equipe – Cadu Pereira, Dadá Coelho e Chico Amorim – e já entramos em produção", completa. 

Na história, um grupo de pessoas, entre homens e mulheres, se candidata para embarcar em uma viagem sem volta para Marte. Só um deles será escolhido – para isso, o time precisa passar por uma série de testes na NASA, nos Estados Unidos. Parte do filme foi, de fato, rodado na instalação da agência espacial americana. Além de muitos efeitos especiais, a produção conta com sequências rodadas em um avião que simula gravidade zero. A aeronave, dedicada ao treinamento de astronautas, partiu de Las Vegas e fez acrobacias sobre o deserto de Nevada (EUA), criando sequências inéditas no cinema brasileiro. 

Durante o processo de produção, a atriz Fabiana Karla conheceu o astronauta Marcos Pontes – ele então entrou no projeto como consultor e intermediou as negociações para as filmagens no Kennedy Space Center. Por isso, o diretor faz questão de ressaltar que tudo que aparece no filme, nas sequências do treinamento, é real: "Só o macaquinho é exceção. A presença de animais na NASA é algo que ficou no imaginário coletivo – antes, eles eram enviados ao espaço, mas só quando os humanos ainda não faziam isso. De resto, tudo que colocamos na história existe mesmo – a esfera de resgate, o banheiro espacial, o avião com gravidade zero. Eu e Fabiana fizemos parte da grande legião de crianças que queria ser astronauta, temos encantamento por esses assuntos. Pra mim, foi um deleite me aproximar desse universo". 

As cenas no avião de gravidade zero foram as mais difíceis. "O avião sobe em alta velocidade e, na queda, anula a gravidade. Esse processo se repete algumas vezes. Nós só tínhamos aquela oportunidade para conseguir filmar. Mas, na primeira parábola, que é esse movimento de subida e descida, senti que ia morrer", confessa Rodrigo. "Lembrei que a ideia de filmar ali tinha sido minha. Briguei muito para não derrubarem a cena por orçamento. Mas foi uma sensação de morte real. E no meio de tudo isso, ainda tinha que pensar na câmera, no foco, nos takes. Algumas pessoas do elenco passaram mal, mas conseguiram segurar a onda. Dirigi só dizendo algumas palavras-chave, que tínhamos combinado antes, como 'Superman', que era pros atores 'voarem' como super-heróis. A Fabiana, na cena em que a personagem bebe água lá dentro, quase se afogou. Foi um esforço coletivo para entregar ao público uma experiência diferente", afirma. 

Comédias com personagens femininas fortes 

A recente leva de produções de comédia nacional para o cinema tem apostado em personagens femininas fortes – é o caso dos filmes "De Perto Ela Não é Normal" e "Depois a Louca Sou Eu", além, é claro, de "Lucicreide Vai Pra Marte". "Concordo que esse filme se encaixe nessa lista, mas acho importante dizer que foi natural e isso é o mais importante. Tudo começa com a gente percebendo essa lacuna gigantesca e, na minha opinião, horrível, de não ter filmes protagonizados por mulheres – e mulheres fortes. Lucicreide é empoderada, dona do lar, autônoma, cria cinco filhos sozinha… E o filme não é centrado em um relacionamento amoroso dela, e sim nas suas questões pessoais. A existência de mulheres fortes é uma coisa natural do mundo, e o movimento de escolher Lucicreide como protagonista foi natural", reflete o diretor, que enfatiza ainda a presença de muitas mulheres no seu set, como a diretora de fotografia Julia Equi, a diretora de arte Ula Schliemann e a figurinista Chris Garrido. "A minha equipe contou com mães e chefes de família que se reconheceram naquele caos. Foi um set dos sonhos, um projeto que deixou saudades", acrescenta. 

"Lucicreide Vai Pra Marte" foi gravado entre o fim de 2017 e o início de 2018. Agora, chega aos cinemas nesse esquema de pré-estreia. "Queremos aguardar um parque exibidor mais robusto para anunciar a estreia 'normal', para que o filme possa ter 100% de sua chance", finaliza. 

Além de Fabiana Karla, o elenco conta com Adriana Birolli (Luana), Cacau Hygino (Padre João), Ceronha Pontes (Rosa), Lucy Ramos (Comandante Lee), Bianca Joy (Débora), Renato Chocair (Arnaldo) e Isio Ghelman (Watson) e tem participações especiais de Carlinhos Maia, Marcos Pontes e Batoré.

A comédia é uma produção da All Screens Films, coprodução 20th Century Fox, Telecine e Globo Filmes, e distribuição da Downtown Filmes e Paris Filmes.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2021 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top