ABTA 2015
05/08/2015, 19:24

Ancine pede garantia de espaço para versão HD de canais independentes

O presidente da Ancine, Manoel Rangel, apontou um tema que está recebendo a atenção da agência reguladora em painel no Congresso e Feira ABTA 2015 nesta quarta, 5. Ele falou sobre a ausência de canais brasileiros independentes no lineup de canais HD das operadoras de TV por assinatura. Segundo ele, é preciso garantir a evolução dos canais brasileiros para o padrão HD. "Nossa expectativa é que nenhuma operadora alegue falta de espaço para os canais brasileiros em HD quando continuam abrindo espaço para os canais estrangeiros", disse o presidente da Ancine.

O fato é que a dificuldade dos canais independentes em conseguir este espaço já é uma realidade. Algumas programadoras independentes já contam com conteúdos em alta definição disponível nas plataformas de VOD das operadoras, mas ainda não conseguiram espaço para lançar seus canais lineares na qualidade maior. Isso coloca esses canais em desvantagem, sobretudo nas operadoras que separam os canais em HD do restante do lineup, já que muitos assinantes adquiriram o hábito de zapear apenas entre os canais em alta definição.

Já se nota no mercado uma inversão na postura de operadores e programadores na estratégia do HD. Enquanto no início da transição as operadoras pressionavam as programadoras a disponibilizarem seus canais em HD, hoje são as programadoras que querem ocupar a parte mais nobre do lineup. O problema é que esse espaço é limitado, sobretudo nas operações por DTH.

Preços

Manoel Rangel também voltou a falar sobre os preços pagos aos canais independentes. Trata-se de um tema que já vem sendo tratado pela agencia há alguma tempo. Segundo Rangel, a Ancine optou por não tratar do tema na edição da última Instrução Normativa porque acredita que ainda haja espaço para negociação entre os agentes econômicos. "É necessário adequar o valor de remuneração dos canais brasileiros de forma a não gerar crises adicionais, levando a atuação da agência. Existe um problema posto que precisa ser enfrentado e sanado", alertou Rangel.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2019 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top