Exportação
06/05/2022, 20:06

Programa CreativeSP apoia participação de empresas paulistas no Festival de Cinema de Cannes

Dez empresas paulistas do setor cinematográfico participarão do Marché du Film no Festival de Cannes, que acontece entre 17 e 25 de maio, através do programa CreativeSP. A iniciativa da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, em parceria com a InvestSP (Agência Paulista de Promoção de Investimentos e Competitividade), busca atrair investimento estrangeiro para São Paulo e contribuir para que empresas do estado conquistem novos mercados.

Esta é a segunda missão do programa e a única dedicada exclusivamente ao setor audiovisual. A primeira foi para o South by Southwest 2022 (SXSW). Ainda haverão outras oito missões para eventos dedicados a diferentes áreas da economia criativa.

De acordo com o secretário de Cultura e Economia Criativa de São Paulo, Sérgio Sá Leitão, o programa CreativeSP partiu de uma demanda de empresas da economia criativa e entidades representativas. A cada missão, dez empresas são escolhidas para receber apoio financeiro de US$ 4 mil para ajudar a custear a viagem.

"Além do apoio financeiro, procuramos dar visibilidade à participação das empresas por meio de iniciativas conjuntas com os organizadores do evento ou associações", explica Sá Leitão. No SXSW, por exemplo, a programação oficial contou com o SP Day, com quatro painéis sobre a economia criativa de São Paulo. No Marché du Film, a parceria é com o programa Cinema do Brasil. Os dois programas terão um estande conjunto no evento. Cada um promoverá um evento no estande reunindo empresas e profissionais de outros países. "Estamos analisando ainda projetos com o British Film Institut, com a França e com o Canadá para que tenhamos encontros de coprodução, com a participação das dez empresas" conta.

Os participantes são de nove empresas produtoras, além da Mostra de Cinema de São Paulo. "Temos procurado formar um time heterogêneo, temos duas empresas grandes, três médias e cinco pequenas. Com isso, damos conta da diversidade e pluralidade do setor. Também é importante ter uma missão com empresas com níveis de experiência distintos, porque uma pode estimular a outra e novos projetos podem surgir dessa interação", diz o secretário de Cultura e Economia Criativa.

Capacitação

O programa CreativeSP contrata ainda um consultor para atividades de capacitação. A ideia é passar aos participantes a melhor forma de aproveitar o evento. Durante o evento também há uma consultoria presente, além de um profissional para ajudar a marcar reuniões e fazer a programação de cada participante.

A capacitação para o evento cinematográfico será da consultora Marika Kozlovska – profissional que tem entre seus clientes o Zurich Film Fund, a Austrian Film Institute, o programa Cinema do Brasil e o Festival de Gramado.

Após o evento, o programa CreativeSP fará monitoramento de resultados, através de relatórios nos quais os participantes apontam os projetos desenvolvidos, contatos e negócios iniciados etc.

Para a missão ao evento francês, o CreativeSP recebeu 101 inscrições, um volume alto, visto o escopo do festival. Para o South by Southwest 2022, evento mais amplo que aborda áreas como inovação, música, entre outras, além do próprio audiovisual, foram 152 inscrições.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2022 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top