Publicidade
Início Newsletter (Pay-TV) Skydance Media e a Paramount Global chegaram a um acordo de fusão

Skydance Media e a Paramount Global chegaram a um acordo de fusão

A Skydance Media e a Paramount Global chegaram a um acordo de fusão, anunciaram ambas as empresas no domingo, dia 7. A fusão se dará através de um processo em duas etapas.

Em um primeiro momento, a Skydance adquirirá, por US$ 2,4 bilhões, a National Amusements, que detém a participação de controle da família Redstone na Paramount. Em seguida, a Skydance se fundirá com a Paramount, pagando US$ 4,5 bilhões em dinheiro ou ações aos acionistas, além de US$ 1,5 bilhão pelo balanço patrimonial da Paramount.

A Paramount divulgou ainda que o acordo produzirá US$ 2 bilhões em economias de taxa de execução. Já os custos de reestruturação e integração devem chegar a US$ 1,6 bilhão. A previsão da empresa é que sua receita em 2025 será de US$ 32,6 bilhões, subindo 2% até 2027, para US$ 33,5 bilhões.

A Paramount Paramount é dona do estúdio de cinema homônimo – responsável por clássicos como “Chinatown”, “O Poderoso Chefão” e “Bonequinha de Luxo” -, da CBS, MTV, Nickelodeon, o streaming por assinatura Paramount+ e o PlutoTV, plataforma que difundiu a modalidade de streaming linear gratuito Fast.

A Skydance foi fundada pelo o empresário de tecnologia David Ellison e já era parceira da Paramount, investindo em alguns de seus títulos cinematográficos mais recentes, como “Top Gun: Maverick”, “Missão: Impossível — Acerto de Contas” e “Star Trek — Além da Escuridão”.

Ellison será o presidente do conselho e presidente-executivo da nova Paramount, enquanto Jeff Shell, ex-presidente-executivo da NBCUniversal, assumirá como presidente.

Futuro

Desde 2019, a Paramount perdeu quase US$ 17 bilhões em valor, afetada pela queda nas receitas com a TV por assinatura em todo o mundo. A entrada no streaming, com o Paramount+, se deu tardiamente e com dificuldade de competir com os grupos resultantes das recentes grandes fusões de mídia Warner Bros. Discovery e Disney (com a aquisição da Fox).

O desafio da Skydance, portanto é fortalecer a infraestrutura das duas plataformas de streaming do grupo, ao mesmo tempo em que investe em novos conteúdos originais para o Paramount+ e busca parceiros para o Pluto TV.

Em comunicado, Ellison diz que a Skydance está comprometida “em energizar o negócio e reforçar a Paramount com tecnologia contemporânea, nova liderança e uma disciplina criativa que visa enriquecer as gerações futuras”.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile