PREMIAÇÃO
10/12/2019, 16:52

Filme "Bacurau" e série "Segunda Chamada" são destaques da APCA 2019

Na última segunda-feira, dia 9 de dezembro, a APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) escolheu os melhores de 2019 nas categorias Arquitetura, Artes Visuais, Cinema, Dança, Literatura, Música Popular, Rádio, Teatro, Teatro Infanto-Juvenil e Televisão em assembleia que reuniu os críticos no Sindicato dos Jornalistas do Estado de S.Paulo.

Na categoria cinema, o destaque foi "Bacurau", que levou os prêmios de melhor filme e direção (Juliano Dornelles e Kleber Mendonça Filho). Ives Rosenfeld e Pedro Freire, de "Aspirantes", assinam o melhor roteiro; Christian Malheiros, de "Sócrates", é o melhor ator; e Carol Duarte e Júlia Stockler, de "A Vida Invisível", dividem o prêmio de melhor atriz. "Democracia em Vertigem", de Petra Costa, foi eleito o melhor documentário. Por fim, o júri ainda concedeu um prêmio especial para "A Rosa Azul de Novallis", de Gustavo Vinagre e Rodrigo Carneiro. Votaram nas categorias de cinema Flavia Guerra, Luiz Carlos Merten, Orlando Margarido e Walter Cezar Addeo.

Já em televisão, o destaque ficou para a série "Segunda Chamada", produção da O2 para a Globo que faturou os prêmios de melhor série ou minissérie e de melhor atriz, para Déborah Bloch. Segundo a APCA, a melhor novela do ano é "Bom Sucesso" (Globo), de Paulo Halm e Rosana Svartman; o melhor ator é Flávio Migliaccio, de "Órfãos da Terra" (Globo); e a melhor direção é de Andrucha Waddington, pela terceira temporada da série "Sob Pressão" (produção da Conspiração para a Globo). Por fim, o título de melhor programa ficou para "Que História é Essa, Porchat?", produção do Porta dos Fundos para o GNT que ganhará uma segunda temporada em 2020; e o melhor jornalístico é o "Roda Viva", da Cultura. Votaram nas categorias de TV Cristina Padiglione, Edianez Parente, Fabio Maksymczuk, Flávio Ricco, Leão Lobo, Neuber Fischer, Nilson Xavier e Tony Goes.

Neste ano, a diretoria da entidade concede ainda o Prêmio Especial da APCA para a atriz Fernanda Montenegro, "por seu protagonismo na defesa da liberdade de expressão, representatividade e contribuição inequívocas em quatro categorias das artes contempladas pelo troféu: Cinema, Literatura, Teatro e Televisão".

A cerimônia de entrega do Prêmio APCA 2019 será realizada no dia 17 de fevereiro de 2020, no Teatro Sérgio Cardoso, em São Paulo.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2020 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top