CINEMA
11/04/2022, 18:32

Filme "O Pato", de Antonio Galdino, é o grande vencedor do Festival de Cinema Curta Jacarehy

O filme de ficção "O Pato" (foto), de Antonio Galdino, da cidade de Campina Grande, na Paraíba, é o grande ganhador, eleito pelo júri oficial, do 1º Festival de Cinema Curta Jacarehy. A animação "Por Dentro das Árvores", de Francisco de Paula, de Santos, no litoral paulista, levou o prêmio do júri oficial na categoria Infantojuvenil. As produções disputaram com 33 filmes que foram selecionados para o primeiro festival de cinema de Jacareí, cidade localizada no Vale do Paraíba, em São Paulo.

Após dois anos fazendo eventos online, o Curta Jacarehy foi o primeiro festival presencial que a Associação Cultural Panvision realizou depois do início da pandemia. A cerimônia de encerramento recebeu diversos convidados no palco, como Tom da Farmácia, representante do Cineclube Jacareí, que foi homenageado; Izaias Santana, prefeito; e Guilherme Mendicelli, presidente da Fundação Cultural de Jacarehy. 

Mais de 300 filmes se inscreveram para participar do Festival. Depois dos 33 selecionados, o longa "A Felicidade das Coisas", de Thais Fujinaga, de São Paulo, foi convidado para ser exibido no encerramento do Festival,  totalizando 34 filmes que foram exibidos em diferentes locais da cidade, entre eles a Sala Mário Lago, escolas públicas e em uma sessão ao ar livre no bairro Pagador de Andrade. Mais de duas mil pessoas, entre público das sessões, participantes das palestras e das oficinas, passaram pelo Festival que contou com mais de 20 horas de atividades de formação. 

O curta da categoria Infantojuvenil escolhido pelo público foi a ficção "Entre Muros", dirigido por Gleison Mota, de Feira de Santana, na Bahia. A produção recebeu o troféu Panvision. Na categoria curtas, o documentário "Tupinambás – Vozes da Caminhada", de Rodrigo Brucoli, da cidade Olivença e Ilhéus/BA, levou a menção honrosa, enquanto a ficção "Na Estrada Sem Fim Há Lampejos de Esplendor", de Liv Costa e Sunny Maia, de Jaguaretama/CE, ficou com o prêmio especial do júri. Já o melhor curta-metragem eleito pelo júri popular foi o experimental "O Ciclope", de Guilherme Cenzi e Pedro Achilles, de Jacareí/SP.  

O melhor filme eleito pelo Júri Popular recebe o troféu Panvision. A melhor produção eleita pelo Júri Oficial nas categorias Curta-metragem e Infantojuvenil, além do troféu, recebe prêmios que ultrapassam R$25 mil em produtos e serviços das empresas DOT, Link Digital, Mistika, Navega e Naymovie, parceiras da Associação Cultural Panvision.

A segunda edição do Festival Curta Jacarehy já tem data marcada: de 5 a 8 de abril de 2023.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2022 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top