Publicidade
Início Newsletter (Pay-TV) Nova temporada do “Além da Conta”, do GNT, investiga os excessos de...

Nova temporada do “Além da Conta”, do GNT, investiga os excessos de comportamento no isolamento social

Nesta semana, em temporada especial, Ingrid Guimarães está de volta ao GNT com o “Além da Conta #Confinados”, atração na qual a apresentadora se conecta diretamente de sua casa com anônimos e famosos para investigar os excessos de comportamento em tempos de isolamento social, com a tecnologia como única forma de interação com as pessoas e o mundo.

“As gravações foram um verdadeiro processo de guerrilha”, brinca a apresentadora em coletiva de imprensa virtual realizada nesta quarta, 13. “Os diretores moram em Nova York, então fizeram tudo remotamente. Minha irmã produziu, minha filha ajudou, uma única pessoa fez luz, câmera e som. Fora a preocupação excessiva com a limpeza. Tenho certeza que vou lembrar disso pro resto da minha vida”, completa. “Ao mesmo tempo, acho que nunca estive tão criativa. E os meus convidados, tão abertos. As pessoas estão em casa, com tempo, mais disponíveis. Isso fez muita diferença no resultado final”, conclui.

Na atual temporada, Ingrid analisa as diferentes realidades de confinamento para descobrir maneiras criativas de manter a rotina e a saúde mental abordando, por exemplo, como viver por meio de smartphones e computadores se tornou o “novo normal”. Entre os famosos que ela entrevista, estão Larissa Manoela, Anitta, Antônio Fagundes, Babu Santana, Paulo Gustavo, Giovanna Antonelli e Fábio Porchat, entre outros, que conversam com a apresentadora sobre trabalho em home office, as vantagens e desvantagens de um confinamento em família, formas de se divertir e se entreter em casa e amor e sexo no isolamento. Ao todo, são cinco novos programas, que foram gravados em somente oito diárias.

O “Além da Conta” teria sua nova temporada gravada em abril, na China. Mas, com a chegada da pandemia do novo coronavírus no país, os planos mudaram para Nova York, nos Estados Unidos. Mas, como os EUA também viraram epicentro da doença, o GNT percebeu que o programa tinha tudo a ver com o momento atual e, assim, chegamos a esse formato. Mas, segundo Ingrid, a ideia é ter uma nova leva de episódios ainda este ano – a depender dos desdobramentos da situação atual.

Na coletiva, a atriz e apresentadora falou sobre seus próximos projetos. No seu cronograma, estava, por exemplo, um longa-metragem com Tatá Werneck, cujo início das filmagens segue previsto para setembro. “Mas agora estamos repensando tudo: sobre o que vamos falar, como vamos falar. O que eu tenho certeza é que no final disso tudo as pessoas vão estar querendo se divertir. E eu quero estar preparada para oferecer humor e leveza ao maior número de pessoas possível quando esse momento chegar”, reflete. “Acredito que a tendência é investirmos em produções menores, mais simples e mais baratas”, completa.

Por fim, Guimarães expôs suas opiniões sobre o futuro do audiovisual: “Me preocupa muito. A gente já tinha um problema em relação ao cinema – fundos setoriais congelados, filmes parados, filmes em andamento que precisaram parar, a burocracia da Ancine… Por isso temo muito pelo nosso futuro. Principalmente no cinema. E não por mim ou pelos atores famosos, e sim pelos pequenos grupos: quem depende de edital, artistas com menos dinheiro, aqueles que dependem do teatro pra sobreviver”. Ainda assim, a atriz traz um lado otimista: “A arte é algo que não morre. A gente sempre se reinventa, dá um jeito de se manter. Vamos arrumar uma maneira. Do Governo, espero um pouco mais de bom senso em relação à nossa cultura, principalmente nesse momento”.

O “Além da Conta #Confinados” vai ao ar às terças, às 23h30, no GNT. O programa é reprisado às quartas e domingos, às 23h.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile