Publicidade
Início Newsletter (Tela Viva) TV Globo São Paulo e EPTV Campinas estreiam coprodução

TV Globo São Paulo e EPTV Campinas estreiam coprodução

(Foto: Divulgação)

Em parceria inédita de coprodução não-jornalística, as emissoras TV Globo São Paulo e EPTV, afiliada à Globo no interior paulista e sul de Minas Gerais, estreiam o programa “Interurbano”, que será transmitido nas duas emissoras nas tardes de sábado, nos meses de maio e junho. 

Apresentado em conjunto pelos repórteres Cauê Fabiano e Edilaine Garcia, o programa acompanha o fenômeno da interiorização ao abordar as conexões existentes entre as cidades de São Paulo (SP) e Campinas (SP), valorizando histórias afetivas, culturais e gastronômicas que aproximam as duas regiões. “Interurbano” vai ao ar para a região de São Paulo, na TV Globo São Paulo, nos dias 18 e 25 de maio, depois de “Cheias de Charme”, e nos dias 25 de maio e 1º de junho, após o programa “Mais Caminhos”, na EPTV Campinas, que abrange 49 municípios. Essa é a primeira parceria entre as duas emissoras na produção de entretenimento. 

A parceria entre TV Globo e EPTV na produção de “Interurbano” reforça o regionalismo e demonstra o movimento de interiorização e a tendência de grandes centros investirem no interior. De acordo com o IPC Maps, em 2023, a participação das capitais no mercado consumidor caiu de 29,07% para 27,95%, enquanto o interior foi responsável por 54,8% do consumo nacional.

Para Max Oliveira, diretor da TV Globo São Paulo, investir em conteúdo regional é representar a sociedade. “Somos contadores de histórias, e temos ótimas que conectam as duas regiões. A partir daí, decidimos pela coprodução, marcando a 1ª iniciativa de conteúdo não-jornalístico entre a TV Globo SP e a EPTV. Dar visibilidade a temas e assuntos que são relevantes para a população sinaliza respeito às tradições, aos hábitos e costumes dessas regiões. As cidades de São Paulo e Campinas sempre foram conectadas pela história, e hoje vários setores são interdependentes. Para nós, faz muito sentido apresentar e ajudar a contar um pedacinho de cada uma dessas histórias”, diz. 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile