Estudante de São Paulo é o vencedor da 2ª edição do Projeto Sexy Hot Produções por Universitários

O estudante do curso de Imagem e Som da Universidade Federal de São Carlos, Bruno Gonçalves, é o vencedor da segunda edição do Projeto Sexy Hot Produções por Universitários, lançado em maio pelo canal. O projeto tem como objetivo trazer novos olhares para a indústria de filmes adultos, dando espaço para jovens talentos enviarem argumentos criativos e inovadores para serem transformados em roteiros por especialistas.

Morador do interior de São Paulo, Gonçalves, de 25 anos, conta que teve duas ideias para inscrever no projeto. A primeira era sobre uma artista que fazia esculturas das pessoas com quem se relacionava e a outra era sobre uma mulher que testava produtos sexuais para vender em seu sexshop virtual. Unindo as duas ideias, ele pesquisou se existia algum brinquedo sexual que fizesse modelagens no corpo, e foi aí que descobriu um item que possibilitava pessoas a "clonarem" o pênis do parceiro de forma muito rápida. A história se desenvolveu a partir daí.

O estudante ganhou R$3 mil e terá ainda a oportunidade de acompanhar as gravações do filme com a produtora que ficará responsável por todo o trabalho, que vai desde a roteirização até a entrega do filme. Diante da pandemia de Covid-19, e respeitando as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), o canal vai analisar ao longo dos meses se a produção será rodada ainda esse ano ou se acontecerá apenas em 2021.

O projeto recebeu mais de 310 inscrições em apenas um mês, o que representa um aumento de mais de 14% em relação ao ano anterior. Dentre os inscritos, 46% têm idade entre 18 e 24 anos e 85% são do sexo masculino. São Paulo é o estado com o maior número de inscrições (24%) seguido de Rio de Janeiro e Minas Gerais, com 22% e 11%, respectivamente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui