Streaming
14/04/2021, 18:24

Netflix apresenta conteúdos originais e promete ampliar investimento no Brasil

A Netflix anunciou nesta quarta, 14, em evento com jornalistas, a estreia de sete produções originais brasileiras neste e no próximo ano. Além das estreias, o serviço de streaming prometeu dobrar os investimentos em produção no Brasil em 2022, sem revelar o montante que será investido em 2021. Para 2020, a plataforma havia previsto um investimento de R$ 350 milhões.

No line-up de 2021/2022 estão seis filmes e um reality show. Confirmados para estrear ainda em 2021 estão os longas "Carnaval" (na foto acima), produzido com a Camisa Listrada e dirigido por Leandro Neri e Luisa Mascarenhas; e "Confissões de uma garota excluída", com direção de Bruno Garotti. Também confirmado para 2021 está o reality "Ideias à venda", que será apresentado por Eliana e realizado pela Floresta Produções.

Ainda sem datas previstas de lançamento estão os longas "Vizinhos", segundo filme protagonizado por Leandro Hassum na plataforma (ambos com produção da Camisa Listrada, direção de Roberto Santucci e roteiro de Paulo Cursino); o primeiro filme de ação brasileiro da Netflix, "Carga Máxima", que não teve mais detalhes de produção revelados; "Casamento a Distância", estreia na direção de Silvio Guindane; e "Lulli", escrito por Thalita Rebouças, dirigido por Cesar Rodrigues  e produzido pela A Fábrica.

Para 2022, a plataforma apresentou também a série policial espanhola "Santo", que terá parte da trama se desenrolando no Brasil e terá no elenco principal o brasileiro Bruno Gagliasso. A direção é do espanhol Gonzalo López-Gallego e do brasileiro Vicente Amorim.

Global

Além do conteúdo local, a Netflix afirmou que pretende superar o volume de lançamentos originais de 2020 em 2021. No evento foram apresentados seis longas internacionais: "Army of The Dead: Invasão em Las Vegas", com estreia em 21 de maio; a animação "A Família Mitchell e a Revolta das Máquinas", para o dia 30 de abril; e "Don't Look Up", "Red Notice", "Sweet Girl" e "Fear Street Partes 1, 2 e 3", todos ainda em 2021, mas sem data definida.

As séries apresentadas, além de "Santo", foram "Lupin Parte 2", a segunda parte da primeira temporada; a animação "Maya and the Three"; a quarta temporada de "Cobra Kai", a quinta parte de "La Casa de Papel"; a terceira temporada de "Sex Education"; e "Sweet Tooth", aventura baseada em personagens criados por Jeff Lemire para a DC.

Credito da foto: DESIREE DO VALLE/NETFLIX.

Comentários

1 Comentário

  1. Ser mulher é sinônimo de força, determinação e coragem. Em um mundo onde, apesar de tantos avanços, as mulheres seguem sendo desvalorizadas e diminuídas, lutar por seus direitos se faz necessário. As mulheres merecem respeito, merecem carinho e merecem espaço. Que tal aproveitar o Dia da Mulher para ajudar com que as mulheres do seu cotidiano tenham ainda mais voz, respeito e amor em suas vida

    Não me considero feminista. Certamente, eu acredito em direitos iguais. Eu acho que as mulheres são tão capazes, às vezes até mais, em vários aspectos. Mas, parece ter algo de militante e doutrinário nessa questão, isso me incomoda.

    Eu gostaria muito de participar de uma série da Netflix eu gostaria de ser um filho que sempre teve muitas dificuldade por eles se filho de negra em uma mulher muito batalhadora que fazia de tudo para dar um mundo melhor mas como o preconceito e o racismo é muito grande o garoto acabou ficando com muita depressão pois ele não tinha nenhum amigo e não falava com ninguém e ele e de poucas palavras com a mãe então como ela fazia de tudo pelo filho ela procurou um resultado para tá dialogando com o seu filho e conseguir tirar ele da depressão Ah pois o garoto completar 16 anos ele descobre que o seu pai bate na sua mãe
    Então ele tira seu pai de casa pq ele não e a favor da agressão à mulher

Deixe o seu comentário!

© 1996-2021 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top