BRICS
14/11/2019, 13:43

Brasil e China celebram acordo de intercâmbio audiovisual

Na reunião dos países que integram o bloco do BRICS (Brasil, Russia, India, China e África do Sul), que acontece em Brasília desde o último dia 13 e se encerra nesta quinta-feira, 14, o governo brasileiro assinou um memorando de cooperação com a China para promover o intercâmbio cultural e audiovisual (cinema e televisão)  entre os dois países.

O memorando foi assinado entre o Ministério da Cidadania e o China Media Group (CMG) e nos termos do acordo, está previsto o intercâmbio de filmes e programas televisivos e a promoção de festivais de cinema brasileiro na China e festivais de cinema chinês no Brasil para divulgação recíproca de filmes. Pretende-se, ainda, iniciar conversas sobre a eventual possibilidade de estabelecimento de um canal de televisão por assinatura dedicado exclusivamente a programas e filmes sino-brasileiros.

O CMG é o maior conglomerado público de comunicações do mundo, resultado da fusão recente da China Radio International (CRI) e da China National Radio (CNR) com a China Central Television (CCTV).

Comentários

2 Comentários

  1. Avatar Henrique de Freitas Lima disse:

    Se na China funciona muito bem a mídia Pública, por que aqui não? É com eles que o Governo Bolsonaro quer conveniar.

  2. Avatar Luiz Fernando Goulart disse:

    Acordos como esse são sempre bons. A minha dúvida é se o Ministério da Cidadania tem poder para assinar. Não deveria ser o Ministério do Turismo?kkk. Já o meu medo é o possível slogan: DOIS PAISES, UMA SÓ CENSURA.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2019 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top