PREMIAÇÃO
15/10/2021, 18:03

Temática social se destaca na premiação do 10º Olhar de Cinema

O olhar para a periferia e a dinâmica dos corpos em ambientes estabelecidos foram os destaques na premiação do 10º Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba. Os longas-metragens "Rio Doce" (foto), de Fellipe Fernandes e "Rolê – Histórias dos rolezinhos", de Vladimir Seixas, foram os escolhidos pelo júri formado por Heloísa Passos, realizadora e diretora de fotografia; Janaína Oliveira, pesquisadora e curadora, e Cíntia Gil, curadora, para receber o Prêmio Olhar de Melhor Filme e o Prêmio Especial do Júri. "Rio Doce" também foi o escolhido como o melhor filme brasileiro pelo júri da Mostra Novos Olhares/Melhor Filme Brasileiro, formado pelos programadores e curadores Greg de Cuir Jr., Emilie Bujès e Ana Souza. Já "Rolê" foi a escolha do público.

Entre os curtas-metragens, o ganhador do Prêmio Olhar de Melhor Filme foi o francês "Vikken", de Dounia Sichov. Na mesma mostra, Emilie Serri, com seu "Sonhos de Damasco", foi reconhecida com o prêmio de Contribuição Artística. Na mostra Outros Olhares, o júri formado pelos curadores Wood Lin e Alia Ayman e pela realizadora Dea Ferraz destacou o filme "Rumo ao Norte", dirigido por Angelo Madsen Minax. "Crime Culposo", de Shahram Mokri, foi o longa-metragem vencedor do Prêmio Novos Olhares. Já a crítica escolheu o argentino "Estilhaços", de Natalia Garayalde, para receber o Prêmio Abraccine, concedido pela Associação Brasileira de Críticos de Cinema.

E nesta sexta-feira, dia 15 de outubro, nas redes sociais do Olhar de Cinema, será anunciado o vencedor do Prêmio Cinefilia, entregue àquele que assistiu a mais filmes durante o festival.

O 10º Olhar de Cinema – Festival Internacional de Cinema conta com patrocínio do Banco Itaú, apoios de Itambé, Grupo Servopa, Intersept, Tintas Verginia e Lojacorr, apoio cultural do Projeto Paradiso, incentivos da Lei de Incentivo à Cultura, Fundação Cultural de Curitiba, Prefeitura de Curitiba e da Lei de Incentivo à Cultura da Secretaria Especial de Cultura do Ministério do Turismo – Governo Federal.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2021 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top