Watch fecha parceria com NSports e inaugura nova vertical de conteúdo esportivo

O esporte terá um papel estratégico nos planos de crescimento da Watch Brasil, que agora se apresenta como um hub de conteúdo. A empresa fechou uma parceria com a NSports, plataforma de streaming esportivo brasileira, e com isso vai inaugurar um trilho de conteúdo esportivo em 2022. 

Com mais de um milhão de fãs cadastrados e 3 mil eventos transmitidos, a NSports é responsável pela exibição do conteúdo de oito confederações e do Canal Olímpico do Brasil. Sua lista de atrações inclui, por exemplo, a Superliga de Vôlei, a Liga Nacional de Futsal, a Liga de Basquete Feminino e parte dos jogos da Série C do Campeonato Brasileiro de Futebol.

"Como plataforma oficial de transmissão online do SBT, nós tivemos um resultado muito expressivo em jogos da Liga dos Campeões da UEFA e da Copa Libertadores em 2021. Conseguimos levar essa opção de sinal para diversas pessoas e entregar qualidade durante todas as transmissões dos eventos. Entendemos a necessidade de entregar variedade esportiva para os assinantes dos nossos clientes, por isso, acreditamos muito no potencial da parceria com a NSports para cumprir esse papel estratégico", comenta em nota Marcello Zeni, CGO (Chief Growth Officer) da Watch Brasil.

Segundo dados do Ibope, a decisão da Copa Libertadores, disputada por Palmeiras e Flamengo, rendeu 26,4 pontos, com picos de 30,6 (cada ponto equivale a 76,5 mil domicílios em São Paulo). Para a Watch, mais de duas milhões de pessoas viram online a vitória do time alviverde na prorrogação.

Agora, o acordo com a NSports garante a criação de um trilho esportivo dentro da Watch. Essa área vai oferecer conteúdos de diferentes modalidades esportivas e também exibir competições ao vivo. "A Watch cresceu 150% no ano passado e pretende ter uma expansão ainda maior nos próximos meses. Passamos de 4 mil horas para 8 mil horas de conteúdo e estamos sempre em busca das atrações mais relevantes para todos os tipos de público", afirma Maurício Almeida, fundador e CEO do hub de conteúdo no Brasil.

O acordo também corrobora um processo de expansão da NSports. Assim como a Watch, a plataforma vem em um processo de ampliação e diversificação de conteúdo. "Essa parceria abre novas possibilidades para nós e permite que o nosso produto chegue a um público qualificado. Acreditamos nesse modelo para aprimorarmos cada vez mais a entrega que fazemos a parceiros e assinantes", finaliza Guilherme Figueiredo, CEO da plataforma de streaming.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui