ESTREIA
23/06/2022, 15:42

Nova temporada do "Expedição Rio" estreia com passeio nas ilhas e desvenda o "Pantanal Carioca"

Novamente com a missão de apresentar um Rio de Janeiro que o Rio não conhece, a segunda temporada do "Expedição Rio" estreia no próximo sábado, dia 25 de junho. E, o programa já começa com uma novidade: o jornalista Alexandre Henderson é a nova dupla de Daniella Dias na apresentação do programa que redescobre locais e roteiros inusitados pelo Rio de Janeiro. "Tem sido uma delícia fazer o 'Expedição Rio'. Estou conhecendo lugares incríveis da minha cidade que eu amo. Territórios pouco explorados e o mais incrível são as histórias por traz desses locais. Adoro um 'dedo de prosa' e o programa traz a possibilidade de conhecer pessoas e narrativas ricas de uma gente que faz a diferença na nossa cidade", vibra o apresentador.

Para Daniella, que fazia dupla com Pedro Bassan na primeira temporada, o programa oferece um novo olhar, fora do eixo urbano que todos conhecem sobre o Rio de Janeiro. Ela fala também sobre a expectativa para a estreia. "A segunda temporada segue trazendo a essência do 'Expedição Rio': um respiro para quem ama e quer bem ao Rio de Janeiro", diz. 

Na onda do sucesso da atual novela das nove, o programa apresenta o  "Pantanal Carioca", que, localizado no complexo lagunar da Barra da Tijuca, é uma atração à parte. Em contraste com os condomínios de luxo, loucura do trânsito e movimento dos shoppings locais está a calmaria das garças que se reúnem no final das tardes e fazem das árvores seus dormitórios. A adrenalina fica por conta da aparição de enormes jacarés, da espécie papo amarelo.

Ainda entre os cenários do primeiro episódio estão diversas ilhas do Rio de Janeiro. Nas Ilhas Maricás, os dois jornalistas mergulham em águas cristalinas que fazem do local um dos mais belos da cidade. E, na Ilha do Governador, a dupla explora cantinhos desconhecidos, como a primeira colônia de pescadores criada no Brasil – a Z10, que fica na localidade conhecida como Zumbi.

"Essa colônia é uma ilha dentro de outra ilha. Hoje, são cerca de 1.500 pescadores antigos por aqui e, na pandemia, esse número triplicou. As pessoas procuraram o mar para sobreviver", conta Wilson Faquir, que chegou à colônia com 13 anos e hoje é presidente da associação de trabalhadores. O programa entrevista, ainda, um casal que atua nos arredores da Baía de Guanabara, na Ilha Seca, com um importante trabalho de retirada de lixo e entulho – de sofá até muitos quilos de plástico – que vão parar em águas fluminenses.

A segunda temporada do "Expedição Rio" estreia neste sábado, dia 25. O programa é exibido somente para o estado do Rio de Janeiro, logo depois do "Jornal Hoje", e também ficará disponível no Globoplay para não assinantes logados após a exibição na TV.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2022 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top