Publicidade
Início Newsletter (Tela Viva) Prêmios Platino divulgam shortlist com 14 produções brasileiras selecionadas

Prêmios Platino divulgam shortlist com 14 produções brasileiras selecionadas

"Pedágio", de Carolina Markowicz, é destaque entre as indicações para os Prêmios Platino de Cinema Ibero-Americano (Foto: Divulgação)

Os Prêmios Platino de Cinema Ibero-Americano divulgaram a shortlist de produções e profissionais que irão concorrer em 2024 à vaga de finalistas em suas 22 categorias. Ao todo, 14 títulos brasileiros estão selecionados, sendo 11 longas-metragens e três séries. A lista dos quatro finalistas de cada categoria será divulgada em meados de março e a premiação está marcada para 20 de abril no Teatro Gran Tlachco, na Riviera Maya, México.

Na categoria de Melhor Filme Ibero-Americano de Ficção, entraram para a shortlist “Nosso Sonho”, de Eduardo Albergaria, e “Pedágio”, de Carolina Markowicz. Para Melhor Minissérie ou Telessérie Cinematográfica, disputam uma vaga entre os finalistas “João sem Deus – A Queda da Abadiânia” (Canal Brasil/ Globoplay) e “Cangaço Novo” (O2 Filmes/ Prime Video). Em Melhor Filme de Animação, os indicados são “Chef Jack, O Cozinheiro Aventureiro” (Immagini Animation Studios Brasil/ Luiz Fernando de Alencar), “A Ilha dos Ilús” (Mandra Filmes/ Paulo G.C. Miranda), “A Lasanha Assassina: O Ataque das Massas” (44 Bico Largo/ Ale McHaddo) e “Brichos 3 – Megavírus” (Tecnokena Audiovisuais/ Paulo Munhoz). Para a categoria de Melhor Documentário, o indicado é “Rio, Negro”, uma produção da Quiprocó Filmes com direção de Fernando Sousa e Gabriel Barbosa. Já em Melhor Ópera-Prima de Ficção Ibero-Americana, concorre Sérgio de Carvalho, por “Noites Alienígenas”. 

Carolina Markowicz representa o Brasil na categoria de Melhor Direção (“Pedágio”), enquanto Lucas Penteado e Maeve Jinkings foram escolhidos para disputar uma vaga nas categorias Melhor Ator e Melhor Atriz, por “Nosso Sonho” e “Pedágio”, respectivamente. Outros talentos indicados foram: Chico Diaz por “Noites Alienígenas” como Melhor Ator Coadjuvante; Lara Tremouroux por “Medusa” como Melhor Atriz Coadjuvante; Allan Souza Lima por “Cangaço Novo” e Marco Nanini por “João Sem Deus” como Melhor Ator de Série; Alice Carvalho por “Cangaço Novo” e Bianca Comparato por “João Sem Deus” como Melhor Atriz de Série; Ricardo Blat por “Cangaço Novo” como Melhor Ator Coadjuvante de Série; e Marcélia Cartaxo por “Cangaço Novo” e Camila Pitanga por “Aruanas” como Melhor Atriz Coadjuvante de Série. 

Eduardo Mello e Mariana Bardan, criadores de “Cangaço Novo”, concorrem para Melhor Criador de Série. Carolina Markowicz, de “Pedágio”, foi indicada ao Melhor Roteiro. “Mussum, O Filmis” foi indicado nas categorias de Melhor Direção de Arte (Rafael Targat), Música Original (Max de Castro) e Direção de Fotografia (Nonato Estrela). O longa “Medusa” também aparece nas categorias de Melhor Montagem (Marilia Moraes) e Direção de Arte (Dina Salem Levy) e “Nosso Sonho” ainda está nas categorias Música Original (Plínio Profeta) e Melhor Som (Pedro Saldanha, Bernardo Uzeda, Tomás Alem e Ariel Henrique). Por fim, “Quando Falta o Ar”, de Ana e Helena Petta, foi indicado na categoria Prêmios Platino para Cinema e Educação em Valores. 

A comissão responsável pela seleção dos filmes brasileiros indicados foi composta por 11 membros: oito indicados pela Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais, em votação entre os sócios, e três indicados pelo Sicav. 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile