STREAMING
26/03/2020, 21:29

Curta! abre conteúdos das plataformas CurtaNaEscola e Tamanduá TV

O canal Curta!, do grupo de mídia Tamanduá, também está com iniciativas para entreter e informar o público durante a quarentena recomendada para conter a pandemia de Covid-19. O site de filmes Curta na Escola e a plataforma Tamanduá TV estão liberando o acesso gratuito para que o público possa assistir a cerca de 1,7 mil filmes de animação, ficção e documentários. O diferencial do conteúdo está na aplicabilidade para uso na Educação Infantil, Fundamental I e II e Ensino Médio, além da formação de professores – estes, assim como os alunos e pais de alunos podem acessar gratuitamente – inicialmente até o dia 30 de abril – os conteúdos dos dois sites.

A plataforma CurtaNaEscola é um projeto antigo do Instituto Tamanduá que surgiu antes mesmo da fundação do canal Curta!. Criada em 2007 como braço pedagógico do pioneiro Porta Curtas, a iniciativa contou com patrocínio da Petrobras e, de sua fundação até 2011, recebeu o cadastramento de 68 mil educadores de 27 mil escolas de todo o Brasil, que reuniam mais de 15 milhões de alunos (cerca de 33% do total nacional). Ali, estão disponíveis 600 curtas-metragens nacionais. A busca permite filtros como Educação Infantil (58 filmes), Ensino Fundamental I (181 filmes) e II (270 filmes), Ensino Médio (284 filmes) e Formação de Educadores (66 filmes). Também é possível acessar mais de mil planos de aulas, com ideias de pedagogos para relacionar os filmes ao conteúdo escolar, e mais de 900 relatos de professores, que escreveram no site sobre suas experiências com o uso das obras em sala de aula.

Na busca, o educador pode filtrar ainda por disciplina, como Artes, Sociologia, Matemática e Biologia, por exemplo; por temas transversais, como Meio Ambiente, Trabalho e Consumo, Família e Cultura de Massa; por nível de Ensino, como exemplificado anteriormente; e ainda por faixa etária. O site está aberto, basta efetuar um cadastro para assistir aos filmes. É necessário que os educadores informem as disciplinas e escola onde lecionam.

Em entrevista a TELA VIVA, Júlio Worcman, fundador do Curta! e idealizador dos projetos, comenta: "Com essas ferramentas de busca de filmes, o site resolve a dor do professor na difícil tarefa de pesquisar conteúdos audiovisuais relevantes para engajar seus alunos. Em tempos de pandemia, é útil porque às vezes os professores já têm seus planos de aula, mas sem conteúdos adicionais. Filme é um formato que engaja e, neste período, no qual as famílias estão em casa, podem assistir junto". Segundo o idealizador, os filmes, sobretudo os documentários, têm o poder de introduzir um caráter transdisciplinar aos temas abordados, ampliando o repertório cognitivo e cultural de alunos e professores. 

Já a plataforma Tamanduá TV oferece cerca de mil filmes, animações e documentários também relevantes para uso na educação. Ali, as produções são classificadas por temas de curadoria, como Pensamento, História Política, Música, Artes e Cinema. Worcman adianta que, em breve, também será possível buscar títulos a partir dos mesmos filtros já disponíveis na CurtaNaEscola, como Ensino Fundamental I e II, Ensino Médio e Formação de Professores, por exemplo. Os títulos são classificados e indexados por educadores experientes e sugeridos para uso pedagógico em sintonia com a BNCC (Base Nacional Comum Curricular). A imagem que ilustra esta reportagem mostra como deve ficar o braço pedagógico da plataforma. 

Para acessar a plataforma de streaming gratuitamente até 30 de abril, é necessário entrar no site e fazer login ou preencher o cadastro, caso seja a primeira visita. Os novos cadastros recebem um e-mail para validar a conta. Isso feito, o próximo passo é entrar na área do usuário do site e, no perfil, digitar o cupom "EmCasaComFilmesQueEducam" e clicar em "Aplicar".

A Tamanduá possui ainda uma parceria com a Claro NET TV na qual usuários da banda larga têm acesso sem custo adicional a três dos cinco planos do OTT: Cine BR (filmes e séries nacionais), Cine Docs (documentários nacionais) e Cine Euro (filmes europeus selecionados pelo Filmmelier). Para usufruir do benefício, os assinantes devem entrar na plataforma utilizando seu login de assinante de banda larga fixa. Os produtores nacionais com filmes nos pacotes Cine BR e Cine Docs da plataforma Tamanduá já receberam, em dois anos desde a estreia do serviço, mais de R$525 mil em repasses de royalties relativos à utilização de suas obras. 

Os outros planos disponíveis são Curta! Mais, que concentra parte da programação do canal na TV, e o ENEM, pacote de assinatura que reúne filmes para obter competências em áreas de humanas do Exame Nacional do Ensino Médio. A opção disponibiliza filmes e séries como "A Era Vargas", de Eduardo Escorel; biografias como "Os Anos JK – Uma Trajetória Política" e "Tancredo Neves – A Travessia", de Silvio Tendler; o francês "A História do Anarquismo"; e o documentário brasileiro premiado em Berlim "Espero Sua (Re)Volta", de Elisa Kapai, sobre os movimentos de estudantes secundaristas que marcaram a história recente do país.

Os projetos se juntam a iniciativas anteriores do grupo de mídia Tamanduá, constituído por CurtaNaEscola, PortaCurtas, SaberTV e a plataforma de OTT Tamanduá TV.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2020 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top