CINEMA
28/06/2022, 22:42

Longa "Pluft, O Fantasminha" faz "esquenta" para estreia e lança trilha sonora e videoclipe

Com lançamento nos cinemas marcado para 21 de julho, o longa-metragem "Pluft, O Fantasminha" lança, nesta sexta-feira, dia 24 de junho, trilha sonora original e um videoclipe. O filme, que tem direção de Rosane Svartman e produção de Clélia Bessa, conta com trilha assinada por Tim Rescala, que criou mais de 80 faixas e também dirigiu a regravação de três canções originais da peça de Maria Clara Machado. Entre os destaques, a música "Pluft e Maribel", que embala os momentos dos protagonistas, interpretados por Nicolas Cruz e Lola Belli, ganha clipe e também a voz de Frejat e o coro infantil da UFRJ. 

Também ator, Tim Rescala – que faz uma participação especial no filme no papel de um pirata – tem uma relação antiga já com o teatro O Tablado e Maria Clara Machado. Responsável pela adaptação da obra "O Cavalinho Azul", também da dramaturga, para uma ópera em 2001, já criou trilhas para outras montagens da autora. "É muito interessante estar próximo das pessoas que trabalharam com ela, principalmente da Cacá Mourthé (roteirista do filme e sobrinha da autora). Trata-se de um filme de aventura e por isso entendemos que uma orquestra sinfônica fosse mais adequada", comenta Rescala sobre a criação. "As faixas foram compostas em duas fases distintas: as canções antes das filmagens e a música incidental depois da montagem". 

Amigo pessoal de Rescala e também já parceiro de Rosane Svartman no filme "Mais Uma Vez Amor", o nome de Frejat foi o primeiro a ser cogitado para a gravação da faixa principal "Pluft e Maribel". "Não houve nem sequer uma discussão de outro nome. Ficou muito legal. Ele tem uma voz muito conhecida, facilmente identificável. Ele entrou no contexto da música, cantou, tocou. Um prazer fazer com ele. Além de ter o diálogo dele com o público infantil com o Coral da Gente, da Orquestra de Heliópolis, e também o Coral Infantil da UFRJ", comenta Tim. 

O videoclipe, realizado por uma equipe de jovens cineastas, traz cenas dos personagens Pluft e Maribel que estarão no filme e imagens de Frejat no estúdio, acompanhado de fantoches dos protagonistas que também podem ser vistos no longa-metragem. "O Tim Rescala chegou cheio de ideias e músicas que se encaixavam no filme como uma luva. Foi dele a ideia de gravar a trilha com a Orquestra de Heliópolis e de trazer uma pegada mais atual para a música tema de Pluft e Maribel. Sou fã do Frejat, um grande parceiro, que já tinha feito a trilha do filme "Mais uma vez amor", com Maurício Barros. Quando o convidamos para gravar a música do clipe ele topou na hora, uma felicidade. O coral de crianças da UFRJ faz uma espécie de dueto com ele", comenta Rosane Svartman. Assista:


Arthur Aguiar, Lucas Salles e Hugo Germano interpretam duas das três músicas originais da peça: "Capitão Bonança 1" e "Capitão Bonança 2". Juliano Cazarré é o responsável pela terceira faixa: "Viva o Sol". As demais canções, de autoria do Tim Rescala, também contam com elenco de peso: "Capitão Jiló" e "No Caribe", com Simone Mazzer, Thais Belchior e Ariane Souza; "Chorinho no Final" e "Coro Angelical", com regência de Tim Rescala e coro infantil da UFRJ; "Maria Merluza", com Simone Mazzer, Thais Belchior, Ariane Souza e Tim Rescala; além de "Pluft e Maribel", com Frejat e o Coro Infantil da UFRJ.

Com produção da Raccord Filmes, coprodução da Globo Filmes e distribuição da Downtown, a adaptação para o cinema da clássica peça escrita por Maria Clara Machado e encenada pela primeira vez em 1955. 

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2022 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top