08/12/1997, 20:20

Sérgio Motta não responde ao consórcio Cabo Brasil II

POR REDAÇÃO

Segundo o procurador do consórcio Cabo Brasil, Erasmo Cabral, a representação, que seria entregue ao presedente da Anatel, Renato Guerreiro, foi entregue ao ministro Sérgio Motta com base em orientação de um membro da comissão de licitação, mas preferiu não citar nomes, deixando claro que não se tratava do presidente da comissão.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2018 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top