23/12/1997, 21:00

Anatel prepara medidas contra os não-oficiais

POR REDAÇÃO

A Anatel comemorou muito esta vitória, não pelo fato de impedir a Transcabo de ter mais oito operações, mas porque considera o despacho um fator relevante para a questão dos operadores não-oficiais. Na visão do presidente da Anatel, esta posição do STJ deixa claro que só quem de fato obteve licença de DISTV pode ser enquadrado como operador de TV a cabo, sem chance para outras interpretações como as dos não-oficiais. A Anatel já está acionando a sua consultoria jurídica para tomar as medidas cabíveis contra estes operadores.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2018 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top