FOMENTO
17/05/2018, 20:45

DOCTV CPLP anuncia vencedores da terceira edição do concurso

POR REDAÇÃO

Nesta semana, o concurso internacional DOCTV CPLP divulgou os vencedores de sua terceira edição. Ao todo, foram inscritas 192 propostas – um terço delas vindas de mulheres e uma boa porcentagem de brasileiros – 42% – que cadastraram 81 projetos.

Foram escolhidos nove projetos de obras audiovisuais inéditas de até 52 minutos, sendo um de cada nação que integra a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). São eles:

Angola: "Elinga Teatro1988/2008", de Paulo Azevedo;
Brasil: "Entre a Porta e a Rua", de Rafael Figueiredo;
Cabo Verde: "Bidon: Nação Ilhéu", de Celeste Fortes;
Guiné-Bissau: "Bijagó o Tesuro Sagrado", de Domingos Sanca;
Guiné Equatorial: "Ritmo de Ida e Volta", de Ngolo Leticia Idabe Makuale;
Moçambique: "A experiência de Moçambique na Gestão de mudanças climáticas 2000-2018", de Tânia Machonisse;
Portugal: "Margot Dias, uma viagem aos Macondes de Moçambique", de Catarina Alves Costa;
São Tomé e Príncipe: "O Estado Crioulo de África", de Teodora de Ceita da Luz Martins;
Timor Leste: "Música da Resistência", de Francisca Maia.

O processo de produção dos filmes selecionados deve ter início ainda no mês de maio, logo após a assinatura do contrato de coprodução de obra audiovisual para a televisão. Os documentários inéditos terão estreia mundial na faixa nobre da programação das emissoras públicas dos países da Rede e até duas reprises nesses canais. No Brasil, o canal em questão é a TV Brasil, que deve exibir os filmes em 2019 – as datas específicas serão definidas em novembro deste ano.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2018 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top