Grupos de mídia
22/02/2022, 22:01

CNN Brasil anuncia nova estratégia para produção e exibição de conteúdos

A CNN Brasil comemora dois anos anunciando sua nova estratégia para produção e exibição de conteúdo, com mudanças na grade e a criação de novos produtos que terão distribuição em todas as plataformas. O dia do aniversário, em 15 março, será marcado pelo lançamento de uma homepage especial sobre as eleições de 2022, assunto prioritário do jornalismo do canal neste ano. A CEO Renata Afonso afirma que "2022 é um ano desafiador, e a CNN Brasil tem um papel fundamental na cobertura de uma das principais eleições desde a redemocratização".

A partir de 4 de abril, a CNN lança mais novidades, com novos programas e a ampliação do espaço dedicado ao hard news.

Dia

As manhãs da CNN Brasil ganham um novo programa, às 6h15, com a cobertura diária do mercado de investimentos, do mundo dos negócios e do panorama econômico: é o "CNN Money", sob comando de Thais Herédia.

Na sequência, às 7h, o "CNN Novo Dia", terá o trio Rafael Colombo, Luciana Barreto e Stephanie Alves, que troca a função de repórter pela de âncora.

O "Live CNN" ganha mais meia hora e passa a ser exibido das 11h às 14h, mantendo os âncoras Daniel Adjuto e Marcela Rahal.

O "Visão CNN", de 14h às 16h, será ancorado a partir de duas praças, com Carla Vilhena, em São Paulo, e Sidney Rezende, no Rio de Janeiro.

O "CNN 360", com Daniela Lima, virá na sequência, das 16h às 18h30.

Faixa noturna

O novo "Expresso CNN" (18h30 às 19h30) terá o comando da dupla Elisa Veeck e Evandro Cini, encarregada de entregar as notícias em linguagem moderna, leve e descontraída.

O "CNN Prime Time" passará a ser exibido de 19h30 às 21h00, e segue com Márcio Gomes no comando.

Monalisa Perrone será a nova âncora do Jornal da CNN (21h), com as notícias do dia no Brasil e no mundo.

William Waack estará à frente de um novo programa diário: "WW" que, além da edição de domingo, passará a ser exibido também de segunda a sexta-feira (22h), com análises aprofundadas sobre os temas relevantes do dia.

O "Agora CNN", às 22h30, terá foco preferencialmente voltado para as eleições, com o comando Carol Nogueira.

Durante a madrugada, a CNN ainda terá boletins ao vivo, para que o fluxo de informação não seja interrompido. A apresentação será de Muriel Porfiro.

Fins de semana

Os produtos da marca CNN Soft também entram numa nova fase. No primeiro semestre está programada a estreia de um novo programa apresentado por Mari Palma, de segunda a sexta-feira, que já está em produção. As atrações que hoje são exibidas na faixa de variedades, às 22h30 de segunda a sexta-feira, passarão a ter episódios inéditos nos fins de semana, reforçando a estratégia de conteúdo diversificado.

A segunda temporada do "CNN Sinais Vitais", com apresentação do médico Roberto Kalil, estreia no domingo, 17 de abril (19h30). Os episódios inéditos do "CNN Business", com Phelipe Siani e Fernando Nakagawa, também serão exibidos aos domingos (21h45). O "CNN Nosso Mundo" passa de sexta-feira para sábado (23h45), com o quarteto atual de apresentadoras: Luciana Barreto, Thais Herédia, Rita Wu e Lia Bock. E "O Grande Debate" troca a terça-feira pelo domingo (18h00).

Dois anos

Em carta aos colaboradores enviada nesta terça, dia 22, Renata Afonso fez um balanço dos dois anos da CNN Brasil e também sobre o primeiro ano de sua gestão como CEO da empresa. "Desde o início, meu foco foi estabelecer uma cultura pautada na gestão transparente, justa, diversa e inclusiva, por meio de melhores práticas e diálogo aberto", afirmou. O processo conta com o apoio da empresa global de consultoria Korn Ferry.

A executiva citou como avanços a ampliação do quadro de funcionários, com o crescimento de 18% nos postos de trabalho e reestruturação da equipe de comando. Foram contratados seis novos diretores-executivos para as áreas de Digital, Tecnologia, Relações Institucionais, Gente e Cultura, Financeiro e Jurídico. E, ainda, criado o departamento de Compliance.

Segundo Renata, os critérios de promoção foram reformulados, dentro da estratégia de valorização dos talentos. A CEO ainda destacou a criação da vice-presidência de Novos Negócios para acelerar o crescimento e apontou como exemplos de resultados os lançamentos das marcas CNN Soft, com oito produções de entretenimento, e CNN Brasil Future, um hub de inovação para as novas gerações.

A CEO citou a criação dos produtos CNN no Plural e CNN Educação, com conteúdo alinhado à justiça e à inclusão. E, ainda, os projetos CNN Agro e Especialistas CNN, direcionados a públicos específicos de relevância para o desenvolvimento do Brasil. "Nosso jornalismo está cada vez mais forte, temos uma equipe extremamente qualificada na frente das câmeras e nos bastidores, trabalhando com agilidade e responsabilidade", ressaltou.

Na carta, Renata reforçou o compromisso da CNN Brasil com a credibilidade e imparcialidade e falou dos resultados financeiros da marca. "Fechamos 2021 com resultados extraordinários: chegamos a 250 anunciantes, com um aumento de 76% no faturamento, e alcançamos números expressivos de audiência em todas as plataformas, principalmente entre formadores de opinião, elevando a CNN ao patamar de um dos maiores influenciadores do país", concluiu.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2022 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top