Cidades digitais
02/07/2012, 15:16

Minicom divulga a lista dos 80 municípios selecionados para projeto-piloto

POR HELTON POSSETI

O Ministério das Comunicações divulgou a lista dos 80 municípios selecionados para o projeto-piloto Cidades Digitais, que receberá investimento de R$ 40 milhões do Governo Federal. Um dos principais requisitos do programa era selecionar projetos de cidades que estejam a pelo menos 50 km do backbone da Telebras ou de outra operadora e tenham baixo índice de desenvolvimento econômico. Além disso, foram priorizados os municípios do Norte e do Nordeste (61%), embora municípios de todas as regiões tenham sido contemplados.

De acordo com a secretária de Inclusão Digital do Minicom, Lygia Pupatto, o próximo passo é a contratação das integradoras responsáveis pela implantação do anel ótico em cada cidade. O edital sairá até julho e a expectativa da secretária é de que a escolha das empresas seja realizada até dezembro. Lygia explica que será uma contratação regional, sendo que o Centro-Oeste, onde foi escolhida apenas uma cidade, provavelmente entrará junto com outra região. Além da implantação da rede, as integradoras deverão garantir manutenção dos equipamentos por três anos e treinar os funcionários designados pela prefeitura por seis meses. O projeto do Minicom prevê a interligação dos prédios públicos e ainda a disponibilização de um ponto de acesso coletivo e um hotspot de acesso público.

Além da infraestrutura, o projeto do Minicom também compreende a disponibilização de quatro aplicativos para as prefeituras. Até o final de julho, a Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação (SLTI) do Ministério do Planejamento escolherá a companhia responsável pela customização, instalação e treinamento de uso dos softwares.

Lygia Pupatto afirma que as 80 cidades selecionadas têm condições de manter o projeto funcionando ao final dos três anos do contrato com a integradora. "Um dos itens (para a escolha) foi a capacidade de fazer parceria com provedores locais para a manutenção dessas cidades". Embora todas as cidades estejam a menos de 50 km do backbone da Telebras, o link de Internet poderá ser contratado de qualquer fornecedor e será custedo pela prefeitura.

Eleição

A secretária descartou qualquer beneficiamento de cidades adminstradas por prefeitos do PT. "Nosso critério foi absolutamente técnico". Segundo ela, no início do processo hove a preocupação de um eventual uso político do projeto, uma vez que ele seria lançado em ano de eleições municipais. "Fizemos muito essa avaliação de lançar esse ano o edital ou não. Mas são só 80 cidades e o projeto só vai ficar pronto depois das eleições", explica ela.

Confira aqui a lista das 80 cidades selecionadas.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2019 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top