Fomento
21/06/2016, 17:26

Ancine divulga os indicados para avaliação na linha de TVs públicas

A Ancine e o BRDE divulgaram as listas preliminares com os projetos indicados para avaliação das comissões regionais de seleção das Chamadas Públicas da Linha de Produção de Conteúdos destinados às TVs Públicas do Programa Brasil de Todas as Telas.

A Linha recebeu 828 inscrições, das quais 676 foram consideradas habilitadas, e, agora, 317 seguem para a análise das cinco comissões regionais de seleção, compostas, cada uma, por seis membros indicados pelos parceiros realizadores e apoiadores da Linha.

De acordo com o Calendário de Financiamento do Biênio 2016/2017, os resultados dos cinco editais serão divulgados em julho deste ano. Interessados podem apresentar recursos até 1º de julho

Os relatórios de análise com as notas de todas as propostas habilitadas estão disponíveis para consulta pelos proponentes no site do BRDE, mediante login e senha. As empresas têm agora um prazo de dez dias, até o dia 1º de julho, para apresentarem recurso sobre suas notas de classificação. O recurso deve ser apresentado por meio de um formulário específico, disponível no site do BRDE e enviado pelo Sistema do BRDE-Ancine.

Confira os números por região:

Na Chamada Pública PRODAV 08/2015 – Região Norte, das 81 propostas habilitadas, 33 alcançaram a nota mínima para classificação e foram indicadas para a avaliação da comissão.

A Chamada Pública PRODAV 09/2015 – Região Nordeste também teve 40 propostas classificadas, em um total de 119 habilitadas.

Já pela Chamada Pública PRODAV 10/2015 – Região Centro Oeste, seguem para a fase de seleção um total de 43 propostas, entre as 111 previamente habilitadas.

A Chamada Pública PRODAV 11/2015 – Região Sudeste teve 107 propostas classificadas que seguem agora para a avaliação da comissão de seleção para a decisão de investimento. Haviam sido previamente habilitadas 205 propostas.

Na Chamada Pública PRODAV 12/2015 – Região Sul 94 das 160 propostas habilitadas alcançaram a nota mínima para classificação.

As atas publicadas contêm as listas de propostas a serem encaminhadas para as comissões regionais de seleção.

As chamadas

As duas primeiras edições dessa chamada pública tiveram a participação das 27 unidades federativas, com 1.596 propostas inscritas, recorde para o FSA (Fundo Setorial do Audiovisual), e a realização de quase cem oficinas de capacitação para formatação de projetos, nas cinco regiões do País. Das 450 horas de programação inédita em produção a partir das duas primeiras edições dessa linha, 250 horas começarão a ser exibidas já no segundo semestre de 2016, em mais de 200 canais de TV em todo o País.

A linha é operada por meio de uma parceria entre a Ancine, a Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura e a Empresa Brasil de Comunicação (EBC), e conta com o apoio da Associação Brasileira de Televisão Universitária (ABTU), Associação Brasileira de Canais Comunitários (Abccom) e Associação Brasileira de Emissoras Públicas Educativas e Culturais (Abepec).

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 1996-2019 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top